Atuações Ponte Preta: Ivan, o nome de uma noite de reabilitação. Por Israel Moreira

0
736 views

Ivan – Uma boa defesa e uma pixotada na primeira etapa. Já na etapa final, com o volume de jogo maior da equipe catarinense, fez duas boas intervenções e uma “grande defesa”. (8)

F. Albuquerque – Fez o simples, não comprometeu e muito bem na marcação. (5,5).

Claylton – Bem na partida, ganhou todas do desfalcado ataque do adversário. (6,5)

Thiago Lopes – Outra boa partida do jovem zagueiro ponte-pretano. (6)

Rafael Santos – Bem no primeiro tempo de jogo, chegando algumas vezes ao ataque e conseguindo alguns cruzamentos que levaram perigo ao gol do Brusque. No segundo tempo, foi mais um zagueiro pelo lado esquerdo. (5,5)

André Luís – Carece de alguém mais qualificado ao seu lado, a falta de qualidade do Lucatelli, vem o prejudicando em campo. Tem um bom desarme, mas muita dificuldade de sair com a bola. (5)

V. Lucatelli – Lento e erra muitos passes, prejudicando a estratégia de jogo definida por seu treinador. Não tem condições de jogar com a camisa 8 da Ponte. (3,5)

Fessin – Bom início de jogo com duas chances claras de gol, um cabeceio pra fora e o terceiro gol com a camisa ponte-pretana. Fisicamente, caiu de produção na segunda etapa. (6,5)

Moisés – Mais uma vez, o grande destaque da equipe. Como joga o “soldado solitário”.
Craque. (9)

Rodrigão – Sofre com a estratégia do treinador e com a falta de qualidade do meio- campo. Um lutador e quando a bola chegou, guardou. (7)

Niltinho – Apagado na etapa inicial, e mal tecnicamente no segundo tempo. (4)

Gilson Kleina – Bom início de jogo, criando chances de gol principalmente nas bolas aéreas. Na segunda etapa, o time muito abaixo e viu o volume de jogo do Brusque aumentar. Essa estratégia de dar campo e bola ao adversário, não tem seu objetivo final concretizado, devido a falta de qualidade dos seus volantes.
Jogou ao lado do time, cobrou a recuperação da segunda bola a todo momento. (6,5)

Substituições:
Marcos Junior – Preencheu os espaços. (4)

Iago – Entrou bem e fez a jogada do pênalti (sim, foi pênalti). (5)

Lucas Cândido – Pouco tempo em campo, jogou mais que o Lucatelli. (5)

Joao Veras – Teve uma boa chance de deixar o seu gol. Pegou mal na bola e desperdiçou. (4,5)

Richard – Sem nota.