A Ponte Preta terá 270 minutos para voltar a brigar pelo acesso. Vai conseguir?

0
575 views

Após o encerramento da rodada deste sábado, a Ponte Preta terminou na 11ª posição com 31 pontos ganhos. Está cinco pontos atrás do CRB, o novo detentor da quarta vaga. Traduzindo: a Alvinegra precisa vencer Paraná, Cuiabá e Botafogo para voltar a brigar ou voltar dentro do grupo de classificação. Detalhe: com duas visitas em Curitiba e Ribeirão Preto.

Seria leviano cravar que são partidas fadadas a derrota, mas também é verdadeiro desconfiar do que se produziu em campo até o momento. Futebol pobre e burocrático, seja com Jorginho ou agora com Gilson Kleina.

Para completar a salada, uma reunião do Conselho Deliberativo destinada a produzir mais tumulto em virtude da questão da arena.

Mudanças? Não há hipótese. Gilson Kleina acabou de chegar, seu nome foi pedido por alas da diretoria executiva e parte da torcida e não resta outra chance senão a de conceder tempo para o trabalho frutificar.

Nos próximos 270 minutos, a Ponte Preta definirá a sua vida na Série B. E que ninguém se iluda: qualquer tropeço e o projeto irá por água abaixo. E os culpados já estarão eleitos: José Armando Abdalla por ser o presidente de uma gestão trapalhona e Gustavo Bueno, que ainda não transformou suas ideias em práticas de gestão positiva.

É hora de colocar a mão na massa. Antes que seja tarde demais.

(Elias Aredes Junior)

Deixe Um Comentário