quinta-feira , 22 junho 2017
Home / Destaque / Falhas individuais comprometem atuação e Guarani perde do Criciúma em SC

Falhas individuais comprometem atuação e Guarani perde do Criciúma em SC

Em atuação marcada por falhas individuais, o Guarani perdeu do Criciúma por 3 a 2, em confronto realizado na noite desta sexta-feira, no estádio Heriberto Hulse, válido pela Série B do Campeonato Brasileiro. O resultado deixou o Alviverde com 15 pontos e ainda dentro do grupo de classificação. O próximo desafio será na terça-feira, ás 21h30, contra o Oeste, em Campinas.

Assim como ocorreu em Recife, o Guarani vacilou e tomou o gol inaugural aos 02min. O goleiro Luiz bateu a bola longa, Lucão ganhou de Lenon pelo alto e Genilson não segurou Silvinho, ágil o suficiente para sair na cara do gol e completar para as redes.

Ao contrário do que se poderia pensar, o revés não baqueou o Alviverde. Pelo contrário. Coordenado por Bruno Nazário, o time bugrino envolvia no toque de bola, apesar das dificuldades para fugir da marcação sob pressão do oponente. Eliandro ora atuava como pivô ou como responsável pela conclusão. Eis que aos 27min, toda a carga ofensiva depositada pelo Guarani deu resultado. Após troca de passes, Bruno Nazário bateu forte, a bola explodiu na trave e no rebote Evandro estufou o balaio.

A virada parecia questão de tempo, especialmente porque Diego Giaretta mostrava dificuldades para segurar Lenon e Nazário encontrava em Claudinho uma boa parceria. Tudo destruído por nova bobeada aos 36min. Douglas Moreira fez boa jogada na zona intermediária e deixou a bola em condições para Lucão bater e retomar a dianteira no placar.

Apesar do revés, o otimismo foi mantido pelos titulares. “Vacilamos no começo, depois conseguimos empatar, mas tomamos outro gol. O jogo está fluindo. É voltar mais concentrado para tentar o empate”, afirmou o zagueiro Diego Jussani.

Ao perceber a facilidade de Diogo Matheus para buscar a linha de fundo Vadão retirou Salomão e apostou em Eron para a etapa decisiva.

Agora fica a pergunta: do que adianta fazer estratégias se um erro individual coloca tudo a perder? Aos 11min, a defesa bugrina tentou recuar a bola ao goleiro Leandro Santos, e pressionado pelo volante Ricardinho o arqueiro não tocou para o lado. Resultado: Lucão aproveitou o vacilo e fez o terceiro.

O gol desnorteou o Guarani, que quase sofreu o quarto aos 20min, quando Silvinho fez a virada de jogo e Caio Rangel dominou e chutou com perigo.

A expulsão de Barreto aos 32min foi suficiente o Guarani reagir. Aos 37min, Caíque trabalhou no lado esquerdo e tocou para Claudinho chutar e diminuir. Mas não evitou a derrota.

FICHA DO JOGO

CRICIÚMA

Luiz, Diogo Mateus, Raphael Silva, Edson Borges e Diego Giaretta (Marlon); Barreto, Ricardinho e Douglas Moreira; Caio Rangel (Paulinho), Silvinho (Nino) e Lucão. Técnico: Luiz Carlos Winck

GUARANI

Leandro Santos, Lenon, Genilson, Diego Jussani e Salomão (Eron); Denner, Evandro e Bruno Nazário (Juninho); Brian Samudio, Claudinho e Eliandro(Caíque). Técnico: Oswaldo Alvarez

 

Gols: Silvinho aos 02min, Evandro aos 27min do primeiro tempo e Lucão aos 36min do primeiro tempo; Lucão aos 11min e Claudinho aos 37min do segundo tempo.

Renda: R$ 50.800

Público: 2508

Cartões Amarelos: Barreto, Braian Samúdio,.Ricardinho

Cartão Vermelho: Barreto

Juiz: Renan Roberto de Souza

Local: estádio Heriberto Hulse, em Criciuma.

Veja Também

TORCIDA TREINO

Ponte comemora crescimento de sócios e tenta alavancar média de público

A Ponte Preta teve um significativo crescimento no número de sócios torcedores adimplentes no último ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *