Para ficar fora do Z-4 ao final do turno inicial, Guarani precisa em 11 partidas jogar futebol de G-10

1
266 views

Quando começar a sua trajetória no banco de reservas do Guarani em partidas oficiais, nesta sexta-feira, às 19h15, contra o CRB no estádio Rei Pelé o técnico Roberto Fonseca já sabe que não terá uma missão  fácil.

Levantamento do Só Dérbi constata que no ano passado, o Brasil de Pelotas terminou o primeiro turno na 16º colocação com 21 pontos. Uma posição acima esteve o Oeste, com 23 pontos ganhos após 19 jogos.

CONTINUA APÓS A PROPAGANDA

Como o Alviverde tem hoje cinco pontos, a missão seria a de somar de 16 a 18 pontos para ficar livre da degola logo no turno inicial.

Dos 33 pontos que o Guarani disputará, a soma terá que ser de 18 pontos acumulados ou  54,54% de aproveitamento. Se quiser chegar aos 16 pontos, a performance tem que chegar aos 48,48%.

Em 2017, o Santa Cruz terminou o turno inicial com 23 pontos e na 16ª colocação. O aproveitamento bugrino é de 20,8% e para consolidar a reação, seu desempenho terá que ser similar ao de Paraná e Figueirense, atualmente com 13 pontos em 8 rodadas e aproveitamento de 54,2%.

(Elias Aredes Junior)

1 Comentário

Deixe Um Comentário