Público nos jogos no Brinco de Ouro já melhorou. Mas poderia ser ainda mais positivo. Por que isso não acontece?

0
1.845 views

Este jornalista por diversas vezes cobrou uma presença mais marcante da torcida do Guarani em jogos decisivos da Série B do Campeonato Brasileiro. Excetuando-se o clássico com a Ponte Preta, poucos jogos produziram um público que chegasse aos 10 mil pagantes. Decepcionante? Se a meta é disputar o acesso não há dúvida.

Os defensores do Conselho de Administração falam que eles fizeram o que estava ao alcance com a instalação de um novo programa de Sócio Torcedor cujo valor mais barato é R$ 20.

A pergunta que fica: dava para ser melhor? Por que o público sumiu? Alguns dizem porque o Guarani ainda tem uma torcida posicionada nos anos 1980 e 1990 em que o comparecimento só ocorria no momento decisivo. Mas este não é uma hora decisiva? Não deveria contar com adesão maior? Acho que sim.

Ao pensar e refletir cheguei a conclusão de que parte da torcida do Guarani ainda tem uma relação de desconfiança com o time do coração. Não foi apagado da memória os instantes ruins com longa permanência na Série C e na Série A-2 do Campeonato Paulista. Sem contar os rebaixamentos, atrasos de salários, entre outros fatos horrivéis.

Solução? O Guarani mostrar resultados palpáveis nos próximos anos. Reconquistar a confiança do torcedor. Quem sabe dessa maneira a história muda. Para melhor. De preferência, com arquibancada cheia.

(Elias Aredes Junior-foto de arquivo-Guarani F.C)