Análise: Ponte Preta, Guarani e a incompetência em deixarem de aproveitar a Mogiana como espaço público

1
717 views

O governo estadual encaminhou para a Assembleia Legislativa um projeto que, caso seja aprovado, permitiria a venda da área de onde está o estádio da Mogiana, localizado no bairro Guanabara, em Campinas. Um patrimônio da cidade de Campinas e que foi sede de jogos de Ponte Preta e Guarani, especialmente na Copa São Paulo Junior.

As notícias sobre os desdobramentos políticos nós falaremos em outros posts neste mesmo espaço. Meu foco será em  cima da incompetência de dirigentes dos dois clubes que se recusaram a pensar em investir no local.

Como? Ora, existem instrumentos legais para fazer uma parceria para viabilizar melhorias que pudessem deixar o gramado e as instalações em condições adequadas.

Não falo de jogos oficiais. Outras variáveis poderiam ser planejadas. Lembram quando o Guarani não tinha lugar para treinar? Pulava de lugar em lugar? Por que nunca foi pensada o gramado da Mogiana?

Na Ponte Preta, fica difícil engolir atletas das categorias de base com treinamentos e jogos em Jaguariuna e nunca se preocupou em buscar um local em Campinas.

A rivalidade insana certamente impediu de se olhar a Mogiana com outros olhos e auxiliar na revitalização de um local importante para a cidade.

(Elias Aredes Junior)

1 Comentário

  1. Guarani nao consegue comprar galão de agua pro pessoal beber e ainda vai manter um campo como ?
    primeiro eles precisam pagar as dividas que tem por ai, antes de pensar em algo
    Ja a Ponte tem o CT do Eulina totalmente pronto, nao precisa assumir uma bucha daquelas

Deixe Um Comentário