quinta-feira , 13 dezembro 2018
Home / Destaque / Numerologia do Só Dérbi, Rodada 1: Guarani e Ponte Preta estreiam com derrota

Numerologia do Só Dérbi, Rodada 1: Guarani e Ponte Preta estreiam com derrota

De abril a novembro, com base nas estatísticas, o Só Dérbi traz um estudo detalhado ao término de cada rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Pelo lado campineiro, um final de semana para ser esquecido dentro de campo.

COMEÇO COM PÉ ESQUERDO:

Guarani e Ponte Preta estrearam na segunda divisão com derrota. O Bugre, com desfalque de cinco titulares, foi derrotado pelo Fortaleza, na Arena Castelão, por 2 a 1. Pedro Bortoluzo marcou o gol de honra campineiro, enquanto Tinga e Gustavo, no último lance, em bela cobrança de falta, anotaram para o time comandado por Rogério Ceni.

A Macaca, por sua vez, foi superada pelo Paysandu, por 1 a 0, no Moisés Lucarelli, na primeira partida – das seis no total – com portões fechados. Logo aos três minutos, o zagueiro Renan Fonseca errou domínio dentro da área e a bola sobrou livre para Cassiano, que fuzilou Ivan e garantiu os primeiros pontos do Papão.

QUEM VEM PELA FRENTE?

O Alviverde enfrenta o Sampaio Corrêa, no sábado, às 16h30, no Brinco de Ouro da Princesa, enquanto a Alvinegra visita o Criciúma, no mesmo dia, mas às 19h, no Heriberto Hulse – antes, porém, o time de Doriva enfrenta o Náutico, no Recife, na quarta-feira, pela quarta fase da Copa do Brasil.

EMPATES? QUE NADA!

Os 20 participantes da Série B entraram determinados a somar pontos. Alguns, evidentemente, não conseguiram. Apenas um empate no início da competição: Brasil de Pelotas e São Bento ficaram no 1 a 1, no interior do Rio Grande do Sul.

MÉDIA DE GOLS:

Nas dez partidas, foram 23 gols marcados, média de 2,3 por confronto. Do total, 16 foram feitos pelos times da casa, equivalente a 69.5%. O duelo em que a rede mais balançou foi em Goiânia, no Estádio Olímpico, na vitória do Atlético-GO sobre o Criciúma, por 3 a 2, de virada.

A FORÇA DO MANDANTE:

Somar pontos em seus domínios é tarefa fundamental para conquistar o acesso ou se livrar do rebaixamento. Ao todo, 80% dos times conseguiram cumprir tal obrigação. Os únicos que descumpriram a regra foram Ponte Preta e Brasil de Pelotas.

PROMOVIDOS VÃO BEM:

Como de costume, independente da tradição e da força do plantel, os quatro clubes promovidos da Série C do Campeonato Brasileiro iniciam a segunda divisão com um objetivo em mente: garantir permanência e, depois, alçar voos maiores. Entre os novos integrantes, Fortaleza, CSA e Sampaio Corrêa venceram, enquanto o São Bento buscou um ponto longe de Sorocaba.

REBAIXADOS VÃO MAL:

Retornar à Série B nunca é bom, mas começar o torneio sem vencer é ainda pior. Avaí, Ponte Preta e Coritiba foram derrotados, ao passo que o Atlético-GO foi o único a alcançar resultado positivo.

ILUMINADO:

Tito foi a exceção da rodada e conseguiu marcar dois gols em um mesmo jogo. O atacante do Atlético-GO foi fundamental na vitória sobre o Criciúma: aproveitou rebote e esteve bem posicionado, após vacilo defensivo, para fazer a festa da torcida do Dragão em dose dupla.

RESULTADOS DA RODADA #1:

Fortaleza  2 x 1  Guarani

Oeste  2 x 0  CRB

Atlético-GO  3 x 2  Criciúma

Figueirense  2 x 1  Juventude

Brasil de Pelotas  1 x 1  São Bento

Vila Nova  1 x 0  Avaí

CSA  2 x 1  Goiás

Londrina  1 x 0  Boa Esporte

Sampaio Corrêa  2 x 0  Coritiba

Ponte Preta  0 x 1  Paysandu

(texto e reportagem: Lucas Rossafa)

Veja Também

Ponte Preta busca opções nas laterais para a próxima temporada

A diretoria da Ponte Preta deverá anunciar nos próximos dias dois jogadores para reforçar as ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *