Ponte Preta: da melancolia ao triunfo. Por André Gonçalves

0
613 views

O ano de 2018 caminhava para ser um ano para se esquecer. Melancólico. Motivos não faltaram.

A ressaca do rebaixamento de 2017. Perspectivas ruins pelo elenco limitadíssimo já início do ano. Não houveram as contratações esperadas e prometidas pela nova – velha – diretoria. Campeonato Paulista sofrível e um certo consolo pelo Título do Interior coroando a garra de João Brigatti. As notícias e o balanço que confirmaram a trágica e péssima administração financeira da gestão anterior. A campanha de Série B muito aquém do prometido e esperado. Além disso tudo, as punições imposta pela CBF e STJD que gerou perdas de varios mandos de jogo. Diga-se uma rigidez vista somente contra a Ponte Preta!

Por tudo isso e mais, o ano da Ponte foi arrastado. Difícil. Dolorido para torcida! Alguns desistitram de frequentar as históricas arquibancadas do Majestoso, já sem forças em ver seu clube sendo usado para benefício pessoal e não da instituição, do coletivo.

Hoje, faltando uma rodada para acabar o principal campeonato disputando pelo clube em 2018, pergunto: quem acreditaria que chegaríamos nessas condições há dois meses atrás? Chegar na 38a partida com chances reais e sem depender de ninguém para conquistar o acesso! Quem em sã consciência apostaria suas fichas num time tão machucado e sem perspectivas?

Pois é! Chegamos em condições de acesso. Condição que já é um milagre! E para o milagre se tornar algo histórico, basta uma vitória. Só uma! A mais importante do ano. Como tem sido encarada as últimas 8 rodadas!

Tudo isso mostra a força e a potência que é esse time! Ele briga contra tudo e contra todos -inclusive os que estão lá dentro – literalmente.

A história pode ser tão grandiosa como a histórica Copa Sulamericana de 2013. Sempre lembramos com brilho nos olhos daquela campanha. Das vitórias emblemáticas contra Velez e São Paulo. Da invasão ao Pacaembu…

Cinco anos depois, mais uma página na história pontepretana poderá ser contada e relembrada por anos e anos.

Torceremos como sempre! Especialmente para conquista fundamental na elite do futebol nacional de 2019! A torcida, jogadores e a comissão técnica merecem esse final de ano triunfal!

(artigo escrito por André Gonçalves- Especial para o Só Dérbi)

Deixe Um Comentário