Ponte Preta em clima de decisão: sem arquibancada lotada, tudo fica mais díficil

0
561 views

O que vou escrever é papo velho. É chover no molhado. Ideia batida. Mas os fatos na Ponte Preta vivem em eterno lopping. Como se tudo fosse reprisado sem aviso ao distinto público.

A diretoria de maneira acertada estipulou o ingresso a R$ 10 como valor mais barato para o jogo contra o Vitória.

Medida acertada.

É preciso contar com o torcedor nesta circunstância especial. Não dá para vacilar e achar que tudo será resolvida na base da bola e da vontade. Não será. Sem a força das arquibancadas todo e qualquer plano fica manco e sem estabilidade. Não é exagero dizer que o clube tem na torcida o seu principal combustível.

O ano de 2013 é um exemplo.

Na ocasião, a Macaca estipulou uma politica de ingressos agressiva. Em um jogo da Copa Sul-Americana, contra o Deportivo Pasto, mais 14 mil pontepretanos estiveram no Majestoso. A estratégia foi fundamental para ultrapassar as fases da competições e reunir forças para ganhar do Veléz, São Paulo e fazer a decisão contra o Lanús. Em todos esses confrontos, a moldura estava lá. Estádio abarrotado e que pulsava otimismo.

Neste sábado, quase 10 mil bilhetes estarão á disposição. Que o torcedor pontepretano faça sua parte, comprove seu poder e manda a terceirona para bem longe do estádio Moisés Lucarelli.

(Elias Aredes Junior-Com foto de Álvaro Junior-Pontepress)