sábado , 15 dezembro 2018
Home / Destaque / Ponte Preta: qual dirigente tem moral para convocar o torcedor para encher o Majestoso? Ninguém!

Ponte Preta: qual dirigente tem moral para convocar o torcedor para encher o Majestoso? Ninguém!

A Ponte Preta teve 3.072 torcedores para presenciar a vitória diante do Figueirense. Sua média de publico é de aproximadamente 3775 pagantes, uma queda de 39,11% em relação ao resultado de 2014, quando o vice-campeonato obtido por Guto Ferreira teve 6.200 presentes em cada rodada.

Ou seja, o torcedor está cansado. Desiludido. Enjoado de ver o seu time transformar-se em um balcão de negócios para satisfação de um clube fechado. Não suporta verificar a falta de ambição, a ausência de coragem. Temos a consciência de que a Macaca é um Davi no mundo da bola contra diversos Golias. Mas mesmo um garoto franzino teve na Bíblia a audácia de ir a frente e acreditar que uma única pedra seria capaz de derrotar um gigante colossal.

Esse não é o entrave principal. Longe disso e sim a incapacidade de qualquer dirigente responder positivamente a seguinte pergunta: quem da diretoria executiva tem moral para chamar a torcida de volta ao estádio? Ninguém.

Sérgio Carnielli? Ora, há anos e anos que o presidente de honra não é vista nas arquibancadas do Majestoso. Só aparece nas reuniões do estádio Moisés Lucarelli e sempre para reafirmar sua autoridade e a imunização ás criticas?

Vanderlei Pereira? Está queimado perante a opinião pública por dois motivos: o inicial é pelo rebaixamento na divisão de elite em 2017 e depois pelo conflito de informações na parte financeira. Um dia ele afirma que as contas estão em dia; ele sai da cadeira e todo mundo diz que não é bem assim. Em qual informação acreditar? Vou além: como uma pessoa dessa pode pedir o retorno do torcedor ao estádio? Não pode.

Giovanni Di Marzio? Tagino? Tiãozinho? Poderia citar outros mais que fizeram ou que fazem parte da atual diretoria e que infelizmente não conseguem reunir atributos suficientes para incendiar o torcedor e proporcionar uma média de 10 mil pagantes por jogo. O CSA atrai em média 8.700. Ok, é a região nordeste. Mas o time alagoano tem mais tradição e apelo que a Macaca? Não, não tem.

Em resumo, as arquibancadas estão opacas e com lacunas não somente pela má campanha, mas também pela ausência de um insumo vital no exercício do poder: credibilidade. Triste, mas é a verdade.

Veja Também

Uma pergunta que não quer calar: Abdalla administra para Ponte Preta ou Vanderlei Pereira? Entenda os motivos.

Na atual temporada, a Ponte Preta viveu um constante terremoto político. Sérgio Carnielli entrou em ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *