Derrota ou vitória diante do Red Bull Bragantino não esconde o essencial: a diretoria pontepretana é o simbolo do fracasso no Paulistão

2
1.424 views

As redes sociais da torcida da Ponte Preta encontram-se em intensa mobilização. Pedem o comparecimento do torcedor no confronto desta segunda-feira, às 20 horas, contra o Red Bull Bragantino, válido pelo nona rodada do Campeonato Paulista.

O quadro é dramático.

As vitórias de Oeste e Botafogo deixaram a Alvinegra na zona do rebaixamento. Em contrapartida, uma vitória levará a zona de classificação do grupo A e com possibilidade de atuar contra o Santos nas quartas de final e em partida única. Peculiaridades da bola.

Em 90 minutos a Macaca poderá passar do inferno ao céu. Brigatti poderá dar sua entrevista coletiva com ar de tranquilidade e deixar para trás Oeste, Botafogo e Ituano, que com nove pontos também tem motivos para se preocupar.

Ninguém pode cair na armadilha da euforia desmedida só porque ocorre uma fuga momentânea. É preciso dizer com todas as letras: a vitória só levará a zona de classificação graças ao regulamento que produz grupos e faz com que as equipes da chave não se encontrem.

Isso não apaga os erros cometidos, tanto na condução do planejamento do futebol profissional como a péssima política de comunicação (determinada pelos dirigentes, diga-se de passagem. Quem comanda fica mudo e os jornalistas são tratados como inimigos.

Mesmo se vencer os quatro jogos derradeiros não dá para perder de perspectiva que a diretoria pontepretana é a tradução do fracasso no atual paulista. Neste contexto, nem o regulamento salva.

(Elias Aredes Junior)

2 Comentários