José Neto, a história do menino pontepretano que conheceu Pelé

0
241 views

Reconhecido há mais de 25 anos como historiador oficial da Ponte Preta, José Moraes dos Santos Neto tem a sua vida ligada na Macaca. Ele viveu instantes inesquecíveis. Dentro e fora do gramado. Inclusive com seus ídolos. Pelé não poderia ficar excluído.

Nesta entrevista ao Só Dérbi, o historiador relembra quando encontrou o Rei de Futebol no dia 15 de agosto de 1970 em um hotel da cidade, véspera do jogo entre Santos e Ponte Preta no Majestoso.

Na sua descrição, a presença de Pelé para atuar no dia seguinte diante da Alvinegra virou um acontecimento na cidade de Campinas. Lojas enviaram presentes ao atleta recém tricampeão do mundo; figuras importantes do munícipio enviaram coroas de flores em homenagem ao jogador santista, que onze depois seria condecorado o Atleta do Século. Na partida, diante de 33 mil pessoas, o Santos venceu por 1 a 0, com gol de Douglas. Mas o encontro nunca mais saiu da memória do garoto.

O bate papo relembra ainda a ultima partida do Rei do Futebol com a camisa do Santos. Foi no dia 02 de outubro de 1974. Vitória santista por 2 a 0. Em 16 anos de carreira, Pelé anotou 12 gols contra a Ponte Preta. (Elias Aredes Junior- Aviso importante: o garoto que Pelé segura no colo na foto que ilustra a matéria não é José Neto) 

 

Confira a íntegra da entrevista logo abaixo: