Juiza Ana Cláudia Torres Vianna fará análise final das propostas de cogestão do futebol do Guarani

0
600 views

Com a presença de conselheiros, dirigentes e do empresário Roberto Graziano, a juíza Ana Claudia Torres Viana, do Tribunal Regional do Trabalho de Campinas anunciou que deverá acompanhar o processo de escolha da empresa que fará a cogestão do departamento de futebol do Guarani a partir de 2019. A declaração fou durante a audiência realizada na manhã desta terça-feira realizada para analisar o andamento do cumprimento da sentença judicial que decretou a entrega da área do estádio Brinco de Ouro ao empresário Roberto Graziano.

Tanto Roberto Graziano como o empresário Nenê Zini terão no máximo até o dia 11 de janeiro para apresentarem suas propostas fechadas para análise do Conselho Deliberativo e da Assembleia de Sócios. A reportagem do Só Dérbi apurou que a Junta Juridica levará os documentos fechados até a juíza para que ela analise e verifique se existe algum ponto das propostas que entre em choque com a sentença estabelecida por desde 2015.

Ela fez questão de declarar, no entanto, que Roberto Graziano está em dia com a quitação de todas as obrigações trabalhistas estabelecidas.

(Texto e reportagem: Elias Aredes Junior- Foto arquivo-divulgação-TRT)

Deixe Um Comentário