Para finalizar venda ao Corinthians, Guarani quer vetar empréstimo de Davó à Ponte Preta

3
3.149 views

Para fechar a negociação com o Corinthians em relação a venda dos direitos econômicos do atacante Davó, o Guarani colocou algumas condições e que por enquanto impediram a finalização do negócio.

A reportagem do Só Dérbi apurou que uma das exigências colocadas é a de que o Corinthians não empreste o atleta para a  Ponte Preta por um período de três anos.

A precaução ocorre em virtude do time da capital sempre emprestar atletas ao principal, como foi o caso do chileno Ângelo Aros, recentemente apresentado no Majestoso.

Outro pedido é para que o jogador seja utilizado pelo Guarani na próxima edição do Campeonato Paulista.

Atualmente, o Guarani tem 60% dos direitos econômicos enquanto que a Elenko está com os 40%. Não há esclarecimento se o Guarani venderia parte ou a totalidade dos direitos econômicos ao Corinthians, assim como a Elenko.

A negociação será finalizada assim que ocorrer o retorno de um dos proprietários da Elenko de uma viagem à Rússia.

(Elias Aredes Junior)

3 Comentários

  1. No elenco atual corinthiano acredito que Davó não terá espaço, visto que lá estão 3 centroavantes experientes: Gustavo, Wagner e Boselli. Creio que a Elenko já tem engatilhado negócio com algum hospedeiro no exterior, normalmente usa-se clubes de Portugal como foi o caso do Matheus Jesus.

    Vejam a carreira do Matheus Jesus, formado na Ponte ele pertence ao Estoril de Portugal: Ponte (recém profissionalizado) >> Estoril de Portugal >> Santos >> Estoril >> Gamba Osaka do Japão >> Estoril >> Portimonense de Portugal >> Estoril >> Oeste >> Estoril >> Corinthians…. Tudo isso no prazo de 3 anos.

Deixe Um Comentário