Ponte Preta 3 x 1 Londrina: Torcida pega no pé de Roger. Ele responde com grande atuação

2
346 views

Com atuação soberba do centroavante Roger a Ponte Preta venceu o Londrina por 3 a 1 em jogo realizado na noite desta terça-feira, no estádio Moisés Lucarelli e válido pela Série B do Campeonato Brasileiro. O resultado deixou o time com 38 pontos e a três pontos do quarto colocado, o América Mineiro. O próximo desafio será na sexta-feira, contra o Oeste, em Barueri.  

Marquinhos, Diego Rena no lado direito e o Washington na cabeça de área no lugar de Edson, além do lateral-esquerdo Guilherme Guedes. Tantas mudanças e alterações precisariam de uma justificativa e que aconteceu no primeiro lance, quando Roger recebeu a bola, tentou fazer o pivô e foi derrubado dentro da área. Renato Cajá cobrou o pênalti com maestria. 

O placar favorável não trouxe tranquilidade. Pelo contrário. O lateral direito Alemão incomodava Guilherme Guedes e Lucas Mineiro não dava a assistência necessária. Paulinho Mocelin levava perigo e o gol não demorou a surgir, em cruzamento perfeito para o complemento de Léo Passos.  

Com erros de passes e a ausência de criatividade, a Ponte Preta parecia cercada, mas o primeiro tempo ainda teve um cruzamento de Diego Renan e que teve a conclusão de Roger para colocar a Macaca na dianteira, o que abriu espaço para desabafo no intervalo. “A gente está acostumado com isso. É essa relação de amor e ódio. Quando ganha, ganha todo mundo. Quando perde, normalmente cai em cima de quem gosta mais daqui, de quem joga com o rosto fraturado, vai até o fim com dois cartões, nunca fica fora… Mas a gente está acostumado”, disse o jogador, que respondeu as críticas da torcida.

O segundo tempo representou uma mudança de postura do Londrina, que forçava a marcação para provocar faltas e erros de passes. Consequência: em faltas de média e longa distância ou na conclusão dentro da área, o goleiro Ygor Vinhas precisou aparecer e fazer defesas com alto grau de complexidade.  

Quando tudo parecia definido, um novo cruzamento, desta vez efetuado por Guilherme Gudes colocou na cabeça de Roger para fazer o seu segundo gol e sacramentar a reabilitação.  

 

2 Comentários

  1. Gerson Magrão é ridiculo, não seio que os treinadores viram neste cara, espero que fique sentado no banco até o final do campeonato.
    Espero que o Kleina utilie o Maranhão, o Araus, o Longuine, menos esta mala , perna de pau.

Deixe Um Comentário