Santos 1 x 3 Ponte Preta: um show de superação, eficiência e preparo físico. E uma merecida classificação às semifinais

0
599 views

Com força, determinação e superação nos 90 minutos, a Ponte Preta contou nova boa atuação de Bruno Rodrigues para vencer o Santos por 3 a 1, em jogo realizado na noite de quinta-feira, no estádio da Vila Belmiro e válido pelas quartas de final do Campeonato. O resultado habilitou o time a enfrentar o Palmeiras no próximo domingo pelas semifinais da competição.

O técnico João Brigatti apostou alto. Acreditar nos garotos que tiraram o time do sufoco do rebaixamento foi sua escolha. Colocou Roger no banco de reservas e apostou na mesma base das vitórias contra Novorizontino e Mirassol.

O que não se esperava era de que a zaga pontepretana estivesse desatenta e logo aos 05min tomou o gol inaugural com o cabeceio de Marinho. Os donos da casa decidiram apostar nos contra-ataques  pelos lados do campo e o segundo gol santista parecia uma questão de tempo. Foi quando a história mudou aos 42mim, quando Marinho foi expulso após cotovelada no oponente.

Veio o segundo tempo e a Ponte Preta juntou eficiência com senso de oportunismo. Brigatti partiu para tudo ou nada no segundo tempo. Apostou em Roger e Moisés.  Foi um velho conhecido que deixou tudo igual aos 04min. Após cobrança de escanteio e confusão na área, Bruno Rodrigues cabeceou e a bola foi por entre as pernas do goleiro Wladimir.

Não demorou para a virada acontecer.  Aos 15min, Bruno Rodrigues avançou pelo lado esquerdo e chutou forte; o goleiro Vladimir rebateu nos pés de Moisés, que na pequena área só teve o trabalho de colocar a bola para as redes.

Entregue fisicamente e sem inspiração, o Santos não fazia diferença e a Ponte Preta ainda fez o terceiro aos 42min. João Paulo dominou e chutou de fora da área para fazer o terceiro e sacramentar a vaga da Macaca nas semifinais. A Ponte Preta jogou com:Ivan;Apodi, Wellington Carvalho, Henrique Trevisan e Guilherme Lazaroni; Dawhan, Jeferson (Moisés), Vinícius Zanocelo (Bruno Reis) e João Paulo (Danrley); Bruno Rodrigues e Alisson Safira (Roger).  (Elias Aredes Junior com foto de Luiz Guilherme Martins)