Vencer em casa é obrigação do Guarani para sonhar alto em 2019

0
266 views

Com a soma de quatro pontos nas ultimas duas partidas como visitante, o Guarani agora foca na construção de uma campanha mais estável como anfitrião, pois uma vitória contra o Corinthians e o tropeço contra o Oeste deixaram a equipe com um ar de desconfiança.

O técnico Osmar Loss faz o certo. Aposta que para vencer o Botafogo e não há como deixar de impor no gramado um estilo ousado e destemido. “Eu gostaria de jogar 100% dos jogos aqui, independente do nosso último resultado. A gente poder jogar com a nossa Torcida, no campo que a gente está habituado a treinar no nosso dia a dia, todos os nossos recursos estão aqui”, disse o técnico que ainda completou: “”Que bom, se todo mundo quiser fechar que a gente vai jogar todos os jogos aqui porque perdemos do Oeste no jogo anterior eu assino agora pra todos os clubes jogarem no Brinco”, afirmou.

O retrospecto de temporadas anteriores demonstra que existe espaço para evolução. Em 2017, quando o Alviverde voltou a contar com partidas da Série B, o Alviverde campineiro teve na temporada 13 vitórias, 10 empates e cinco derrotas e o aproveitamento de 58,3%. No ano seguinte, com a conquista da Série A-2 e o nono lugar na Segundona, o saldo foi de 17 vitórias, cinco empates e sete derrotas. Um aproveitamento de 64,4%. Para demonstrar que há espaço para aprimoramento, basta dizer que o Fortaleza, campeão da Série B, somou 43 pontos em 19 confrontos no Castelão e 75,4% de aproveitamento. Nesta competição, o Alviverde teve 54,4% de aproveitamento.

Dentro de casa é preciso vencer para sonhar mais alto. Ganhar do Botafogo seria um belo começo.

(análise feita por Elias Aredes Junior- foto de Leticia Martins-Guaranipress)

Deixe Um Comentário