Chapa liderada por Palmeron sofre nova derrota na Justiça

1
463 views

A cinco dias da escolha dos novos integrantes do Conselho Deliberativo, a chapa Nova Jornada liderada por Palmeron Mendes teve recusada mais um pedido de inclusão no processo eleitoral, que conta com a Chapa Renova  e a Hoje e Sempre Guarani, sob a liderança de Horley Senna. O pedido de agravo de instrumento foi feito por Odair Paes Junior e o pedido de 239 paginas é de autoria do advogado Thiago Vinicius Ferreira Zimaro.

A decisão ficou a cargo da relatora Silvia  Maria Facchina Espósito Martinez, o texto expôs que a exclusão se deu por falta de condições financeiras, algo que foi executado. “ (…) Entendia o recorrente que a candidatura foi impugnada sob a alegação de pendências financeiras, eis que nove candidatos e seis suplentes da chapa “Nova Jornada” estariam inadimplentes com a mensalidade do clube”, explicou a relatora.

No entanto, as explicações não foram aceitas. “Todavia, a inscrição ocorreu em 26/1/2019 e as mensalidades poderiam ser quitadas até 8/2/2019 em conformidade com a Ata da 1ª Reunião da Comissão Eleitoral – inexistindo motivo para o indeferimento da chapa “Nova Jornada””, disse a relatora, que explicou ainda: “Além disso, a comissão eleitoral já havia decidido que seria concedido o prazo de 48 horas para cada chapa renegociar as mensalidades eventualmente atrasadas. No entanto, tanto a não homologação da chapa quanto a impugnação dos quinze integrantes, em virtude das apontadas pendências financeiras ocorreram em 5/2/2019, sem que houvesse prazo para a quitação das dívidas”, arrematou.

O presidente Palmeron Mendes Filho foi procurado mas não respondeu até a publicação deste texto.  Assim que ocorrer a resposta, o texto será atualizado.

(Elias Aredes Junior)

1 Comentário

  1. É triste ver Bugrinos brigarem e dividirem o clube. Parece que as Cores do Guarani são outras à Verde e Branca, parece coisa de Novela Mexicana, a cada dia um episódio que degrada mais a vida do Clube e aí para toda essa balburdia passar para dentro das 4 linhas é um chute! Por essas e outras é que grandes nomes Bugrinos se afastaram do Brinco de Ouro e o Guarani ficou agonizando e o pior é que dizem as partes que estão lutando para salvar o Guarani, ora, desse jeito irão enterrar ainda mais o clube. Na Série “B” desse ano, os atrasos de salário serão penalizados, por isso precisamos é de união e não de divisão. Lendo algumas mensagens recebidas, vejo que a cada dia as coisas são mais complicadas. Denúncias são publicadas, Balanço é emitido com erros grotescos e cai na praça, tudo isso culmina para piorar o que já está ruim. Conversando com Funcionário do clube, sentimos no semblante da pessoa o desanimo a descrença e até a insegurança de não saber se receberá o salário em dia ou não.

Deixe Um Comentário