De 2009 a 2019, em média, Guarani trocou de treinador a cada 129 dias. No futebol brasileiro, o tempo de trabalho foi de 180 dias

0
485 views

Pesquisa divulgada nesta terça-feira, dia 09, pela Pluri Consultoria demonstra que nos últimos 10 anos, os 20 principais clubes do Brasil concederam em média seis meses de trabalho para os seus treinadores. Na média, cada equipe da Série A teve 18,7 treinadores no período de 2009 a dezembro deste ano. O Guarani, no entanto, consegue um resultado  pior.

No  período , o Alviverde campineiro teve 32 trocas de treinadores e concedeu 129 dias de trabalho em média para cada técnico. Foram contabilizados apenas os técnicos que foram contratados ou efetivados no cargo.

O recordista do período foi Vadão, que foi mais de um ano no cargo. Assumiu no dia 06 de abril de 2009 e desligou-se no dia 10 de abril do ano seguinte. Outro treinador com longevidade foi Umberto Louzer, que assumiu no lugar de Fernando Diniz no dia 03 de janeiro do ano passado e saiu no dia 13 de novembro.

Neste período alguns fatos pitorescos foram registrados, como o fato de Vagner Mancini ter ficado no posto da primeira a ultima rodada do Campeonato Brasileiro de 2010, mesmo com o time sendo rebaixado.

Outros, no entanto foram acionados em esquemas de emergência, como Lisca, que desembarcou no Brinco de Ouro no dia 09 de outubro e saiu no dia 29 de novembro de 2017, o que totalizou 50 dias de gestão e cujo objetivo foi alcançado, a permanência na Série B do Campeonato Brasileiro.

A atual diretoria bugrina, por sua vez, tenta sair do circulo vicioso tanto em relação do histórico do clube como do próprio futebol brasileiro ao bancar a renovação do técnico Thiago Carpini. “Dezembro é o mês de mais mudanças para os treinadores no Brasil, concentrando 12,6% das trocas totais nos últimos 10 anos, seguido por agosto e setembro, com 11,8% e 11,5%, respectivamente. A chance de queda nestes 3 meses é 68% maior que nosdemais meses do ano”, afirmou o relatório da Pluri Consultoria. (Elias Aredes Junior)

QUEM TREINOU O GUARANI DE 2009 A 2019

2009

Luciano Dias

Guilherme Macuglia

Oswaldo Alvarez

2010

Oswaldo Alvarez

Vagner Mancini

2011

Argel Fucks

Vilson Tadei

Giba

2012

Oswaldo Alvarez

Vilson Tadei

2013

Zé Teodoro

Branco

Tarcisio Pugliesi

2014

Márcio Fernandes

Evaristo Piza

Vagner Benazzi

Marcelo Veiga

2015

Marcelo Veiga

Ademir Fonseca

Paulo Roberto Santos

Pintado

2016

Pintado

Marcelo Chamusca

2017

Nei da Matta

Oswaldo Alvarez

Marcelo Cabo Lisca

Fernando Diniz

2018

Fernando Diniz

Umberto Louzer

2019

Osmar Loss

Vinicius Eutrópio

Roberto Fonseca

Thiago Carpini

Fonte: José Ricardo Lenzi Mariolani