Federação Paulista de Futebol quer copiar aquilo que dá certo. Clubes mostram união. Ótimas noticias!

0
207 views

O portal GloboEsporte.com divulgou nesta quarta-feira, dia 27, uma matéria sobre os preparativos da Federação Paulista de Futebol para a retomada do futebol, que no planejamento dos dirigentes deverá acontecer em meados do mês de julho.

Dois aspectos positivos devem ser destacados. O primeiro é a união dos clubes. Não há dissidências. Todos falam uma mesma língua. E as reuniões virtuais ocorrem muito para aparar arestas do que para gerar cizânia.

Sinal de que todos entenderam a importância econômica do futebol e mais: de que é preciso obedecer as instruções das autoridades. Nada daquilo que verificamos no Rio de Janeiro, em que Flamengo e Vasco estão de um lado enquanto Fluminense e Botafogo estão reticentes.

Impossível ignorar a sabedoria da Federação Paulista em recusar-se a inventar a roda. Boa notícia.

Não há nenhum pudor em assumir a Alemanha como referência. De acordo com a reportagem, o modelo é satisfatório pelo fato da Alemanha nos estádios ter adotado ter zonas de convivência para os dias de jogos. A zona 1, no interior do estádio, a determinação é que fiquem as pessoas fundamentais para o jogo, como atletas, comissão técnica e médicos; na zona 2, será a área de arquibancadas, com jornalistas, equipes de transmissão e seguranças; e a zona3, exterior, nos limites do estádio. Apenas 100 pessoas podem circular em cada setor ao mesmo tempo.

Além disso, a divisão de elite alemã  determinou regras para a chegada das delegações e cuja premissa é a divisão dos jogadores em vários grupos e veículos. Claro, sem contar o uso de  máscaras para quem não está jogando e uma limitação às equipes de imprensa.

Pergunto: o que tem mal em copiar? Nada. Que o futebol volte. Mas dentro de normas de seguranças e principalmente quando a pandemia estiver controlada. E copiar aquilo que deu certo é um belo passo para o êxito.

(Elias Aredes Junior)

Deixe Um Comentário