Gabriel Mesquita ou Rafael Martins: quem vencerá e ficará com a titularidade do Guarani?

0
203 views

Sempre ouvi falar sobre meritocracia. Ou seja, o prêmio faz jus ao seu esforço. Comentários e análises feitos em Campinas nos últimos foram no sentido contrário. Apesar do seu bom rendimento na Série B, Gabriel Martins, que por respeito profissional, adotou um tom respeitoso. “O Gabriel é um grande goleiro e vive um grande momento. Com ele, a minha chegada e o Lucas, que é um grande goleiro também, o Guarani estará bem servido na posição, independentemente de quem for jogar”, afirmou.

Concordo que existem números favoráveis. Exemplo disso é que o arqueiro saiu de campo sem sofrer gols em 13 das 34 partidas que disputou na Série B.

Mas não podemos dizer que são favas contadas. O treinador de goleiros, Silvano Austrália, tem obrigação de observar os treinos, adotar os seus critérios e tomar sua decisão com base no presente.

Nada de privilégios. Nem para um ou outro. Disputa no campo e saudável. O Guarani agradece.

(Elias Aredes Junior)