Guarani vacila e perde para o rebaixado Atlético Sorocaba

0
416 views

Erros na defesa, equívocos de posicionamento e falta de concentração foram os ingredientes presentes na derrota do Guarani para o rebaixado Atlético Sorocaba por 2 a 1, em jogo realizado ontem à noite na casa do adversário e válido pela Série A-2 do Campeonato Paulista. Agora, a alternativa será buscar a reabilitação no domingo, ás 10 horas, contra o Barretos, no Estádio Brinco de Ouro.

De última hora, o Guarani foi pego no contrapé. Fumagalli teve dores no corpo e febre. Vetado por suspeita de Dengue. A entrada de Lorran deu velocidade pelos lados do campos e também concedeu liberdade ao armador Douglas Packer para ficar mais centralizado. Denis Neves era a figura central do ataque e o toque de bola exibia uma impressão de que o gol aconteceria a qualquer momento.

Ledo engano. A ânsia de atacar abriu espaços no campo defensivo e os anfitriões se sentiam a vontade para agredir e criar chances de gol. Prova disso foi o chute de Brasília e que explodiu na trave bugrina.

Mesmo com os avisos dados pelo destino, o Guarani não esboçava qualquer reordenação tática. Resultado: tomou o gol aos 32 minutos. Salinas puxou o contra-ataque e como não tinha a marcação no lado esquerdo nem do lateral-direito Eduardo e nem do zagueiro Thiago Carpini, sua única misão foi fugir da marcação de Lorran e completar para as redes.

De imediato, a reação de Pintado foi sacar Eduardo, deslocar Lenon para a lateral-direita e bancou a entrada de João Vittor como componente do setor de armação.

A trama só gerou frutos no segundo tempo, quando Douglas Packer encontrou em João Vittor um parceiro de armação e arquiteto para o gol de empate aos 08 minutos. João Vittor deu assistência e Douglas Packer acertou um petardo no ângulo do goleiro.

Hora de crescimento do Guarani? Ledo engano. O Atlético Sorocaba ganhou força para criar oportunidades e aos 17 minutos Luiz Guilherme jogou a bola na área de forma despretensiosa. A bola desviou Léo Rigo, enganou Pegorari e quase entra.

Seis minutos depois, os anfitriões não bobearam. Eltinho dominou, passou por Léo Rigo e rolou para Claudir, impiedoso na conclusão: 2 a 1.

Para variar, o revés acordou o Guarani e aos 26min, após cruzamento, Gabriel Rodrigues completou e viu a bola tocar na trave.

Nos minutos seguintes, o Guarani ficou enrolado em seus próprios erros e perdeu a chance de firmar-se de uma vez por todas na zona de classificação. Para completar, perdeu Léo Rigo e Raí por expulsão aos 42 minutos e 47 minutos, respectivamente.

(crônica escrita por Elias Aredes Junior- Foto de Rodrigo Villalba-Memory Press)

FICHA DO JOGO

ATLETICO SOROCABA

Christofer; Luiz Guilherme, Alemão, Saulo e Billy; Claudinei, Dinho Souza (Roger), Eltinho e Brasília; Lucas Salinas (Richard) e Claudir (William). Técnico: Ednei Ugueto

GUARANI

Pegorari; Eduardo (João Vitor), Carpini, Léo Rigo e Denis Neves; João Paulo, Lenon (Raí), Watson (Wesley) e Douglas Packer; Lorran e Gabriel Rodrigues. Técnico: Pintado

Gols: Lucas Salinas aos 32 minutos do primeiro tempo; Douglas Packer aos 08 minutos e Claudir aos 23 minutos do segundo tempo.

Renda e Público: Não divulgados

Cartões Amarelos: Raí, Denis Neves, Brasília, Billy, Lucas Salinas

Cartão Vermelho: Rai e Léo Rigo

Árbitro: Márcio Henrique de Góes