Ivan, o ídolo que sairá da Ponte Preta pela porta da frente. Uma dádiva para o mundo do futebol

0
1.272 views

Com defesas arrojadas e destemidas, Ivan foi a principal figura da Ponte Preta contra o Palmeiras. Apesar da derrota da alvinegra campineira na semifinal do Paulistão, seu nome continuou sendo propagado pelos jornalistas nesta segunda-feira.

No programa “Redação Sportv”, a repórter Fabiola Andrade chamou atenção para interesse de Milan e Barcelona em seu trabalho. Diz que a Macaca não arreda pé e quer uma boa recompensa. Justo.

A saída de Ivan é inevitável. A Ponte Preta criou mais um ídolo. E que sairá pela porta da frente. Tenho convicção de que não haverá reclamação por parte do torcedor. Pelo contrário. O sentimento é de gratidão.

Formado nas categorias de base, Ivan destacou-se desde os primeiros duelos e temos que ser justos. Valorizou seu clube não só no discurso, mas na prática. Recusou no ano passado uma proposta do Familicão, que terminou na sexta posição do Campeonato Português. É bem provável que bom desempenho apresentaria em terras portuguesas e o clube europeu fosse apenas catapulta para uma agremiação gigante.

Mas veja: Ivan dispensou o intermediário. Se for para um centro maior, que seja pela Ponte Preta. E que Ela seja recompensada por isso. Pensa no planejamento de carreira. Mas também direciona sua prioridade para  quem investiu na sua formação. Isso não pode ser esquecido.

Enquanto estiver com o unforme, Ivan será fundamental. Muitas vitórias terão sua contribuição. Isso não produz desprezo ao fato de que sua postura, comportamento, ética e decência fará com ele diga até logo ao torcedor pontepretano de cara limpa. Sem receios.

No mundo injusto do futebol tal fato é uma dádiva.

(Elias Aredes Junior)