Ponte Preta sofre apagão na etapa inicial e perde para o Corinthians

0
204 views

Um “apagão” de 25 minutos foi determinante para a Ponte Preta perder do Corinthians por 3 a 0, em jogo realizado na manhã desta quinta-feira, na Arena Itaquera, em jogo válido pelo Campeonato Brasileiro. A goleada sofrida deixou a Macaca na zona intermediária da classificação  e a meta é buscar a recuperação domingo, às 11 horas, contra o Flamengo, no estádio Moisés Lucarelli.

Toda a volúpia exibida contra o Palmeiras desapareceu. O time perdeu a transição da defesa ao ataque e os laterais Jeferson e Reinaldo não fugiam da marcação sob pressão desenvolvida pelo time corintiano. Resultado: um paredão virtual era estabelecido e o Corinthians tinha pleno domínio das ações.

Com Giovanni Augusto e Marquinhos Gabriel no meio-campo o gol inaugural surgiu naturalmente. Aos 14min,Marquinhos Gabriel avançou pelo lado esquerdo, evitou a saída da bola e cruzou; Kadu tentou tirar e viu a bola bater na sua canela do zagueiro e entrar para as redes.

Não demorou e o segundo gol surgiu aos 21 min. Uendel avançou fez o cruzamento, Matheus Jesus afastou para a entrada da área e Bruno Henrique acertou de primeiro e não deu chances ao goleiro pontepretano.

O gol derrubou o ânimo pontepretano e  promoveu um recuo do Corinthians, que recuou o seu sistema de marcação, mas não foi pressionado. No máximo, viu alguns avanços de Reinaldo pelo lado esquerdo, sem efeito prático.

O técnico Eduardo Baptista não esperou o fim do primeiro tempo e bancou a entrada de Renê Junior em lugar de Matheus Jesus. O efeito foi sentido nos 45 minutos finais, quando foi realizado um melhor trabalho de criação e as chances apareciam. Aos 03min, Ravanelli recebeu em boas condições e chutou para a defesa de Walter.

Apesar do equilibrio, a Ponte Preta continuou ameaçada pela volupia corintiana e tomou o terceiro aos 34min, quando Guilherme dominou na entrada da área e tocou por cobertura para dar números finais ao jogo.

FICHA DO JOGO

CORINTHIANS

Walter; Fagner, Felipe, Vilson e Uendel (Guilherme Arana); Cristian, Bruno Henrique, Marquinhos Gabriel, Guilherme e Giovanni Augusto (Marlone); Luciano (André). Técnico: Tite.

PONTE PRETA

João Carlos, Jeferson, Douglas Grolli, Kadu e Reinaldo; Matheus Jesus (Renê Junior), João Vitor, Ravanelli (Cristian), Felipe Azevedo e Clayson (Thiago Galhardo); Wellington Paulista. Técnico: Eduardo Baptista. Técnico: Eduardo Baptista

Gols: Kadu (contra) aos 14 min e Bruno Henrique aos 21 minutos do primeiro tempo; Guilherme aos 34 minutos do segundo tempo.

Renda: R$ 2.059.840,00

Público: 35573

Cartões Amarelos: Vilson, Cristian, Bruno Henrique, João Carlos, Cristian (Ponte Preta), Renê Junior.

Juiz: Elmo Resende da Cunha

Local: Arena Itaquera, em São Paulo. Público: 35.573 pagantes Renda:

Deixe Um Comentário