domingo , 16 dezembro 2018
Home / Destaque / Renan Rocha fecha o gol, Ponte falha na defesa e estreia com derrota na Série B

Renan Rocha fecha o gol, Ponte falha na defesa e estreia com derrota na Série B

Retornar à Série B do Campeonato Brasileiro é péssimo sob diversas perspectivas. Mas reestrear na competição com portões fechados e tropeço em casa é ainda mais frustrante. Na noite deste sábado, 14, a Ponte Preta pecou pelos vacilos defensivos, esbarrou em defesas espetaculares de Renan Rocha e foi derrotada pelo Paysandu, no Moisés Lucarelli, por 1 a 0. Cassiano, aos três minutos da primeira etapa, foi o autor do gol.

As duas equipes voltam a campo no próximo final de semana. Na sexta-feira, 20, o Papão recebe o Londrina, às 21h30, no Mangueirão, em Belém, enquanto a Macaca visita o Criciúma, no Heriberto Hulse, às 19h, no sábado.

PRIMEIRO TEMPO:

O começo da Alvinegra foi para ser esquecido. Logo aos três minutos, Renan Fonseca, livre dentro da área, recebeu passe fraco, mas errou o domínio. A bola espirrou e sobrou para Cassiano, que fuzilou Ivan e abriu o placar. Os erros de passe na transição da defesa ao ataque persistiram e, por pouco, a vantagem não aumentou.

Depois dos sustos, o duelo ficou equilibrado. Aos 24, Orinho cobrou falta e Fonseca desviou de cabeça rente à trave. Com maior domínio das ações, a pressão se intensificou e, por pouco, o time mandante não empatou. Tony cruzou, a zaga paraense afastou mal e Júnior Santos, na pequena área, finalizou. Renan Rocha, em verdadeiro milagre, defendeu com peito e evitou o empate.

Antes do intervalo, Pedro Carmona cobrou escanteio na primeira trave e Mike cabeceou para fora. No lance seguinte, Paulinho, de fora da área, pegou na veia e com endereço, mas o camisa 1 adversário voou para espalmar.

SEGUNDO TEMPO:

Os minutos no vestiário não foram suficientes para ligar Renan Fonseca na partida. O defensor vacilou em nova saída de bola, proporcionou contra-ataque ao Paysandu, mas Mike finalizou por cima do gol. Aos 18, o próprio Mike achou Cassiano, que se desvencilhou da zaga a apareceu cara a cara com Ivan. O atleta paraense, porém, bateu cruzado para fora.

A entrada de André Luís deu vida ao ataque da Ponte Foi justamente o estreante quem mais infernizou a zaga alviceleste. Aos 24, o atacante se livrou de dois marcadores e arrematou, de dentro da área, no contra-pé de Renan Rocha, que defendeu em dois tempos.

A Macaca atacou com todas as forças, principalmente na bola aérea, mas sem nenhum sucesso. Felippe Cardoso foi quem mais chegou perto, em cabeçada no travessão, nos acréscimos.

FICHA TÉCNICA: PONTE PRETA  0 x 1  PAYSANDU

PONTE PRETA – Ivan; Tony, Renan Fonseca, Reynaldo (Murilo) e Marciel (Felippe Cardoso); Nathan, Paulinho e Lucas Mineiro; Felipe Saraiva (André Luís), Júnior Santos e Orinho. Técnico: Doriva.

PAYSANDU– Renan Rocha; Diego Ivo, Perema e Edimar; Danilo Pires (Matheus Silva), Nando Carandina, Pedro Carmona (Willyam) e Mateus Muller; Mike, Moisés (Magno) e Cassiano. Técnico: Dado Cavalcanti.

Gols: Cassiano, aos 3 min do 1T

Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (PE)

Cartões amarelos: Nathan (AAPP); Matheus Muller e Renan Rocha (PAY)

Local: Estádio Moisés Lucarelli – Campinas/SP

(crônica: Lucas Rossafa/foto: Fábio Leoni – Ponte Press)

Veja Também

Uma pergunta que não quer calar: Abdalla administra para Ponte Preta ou Vanderlei Pereira? Entenda os motivos.

Na atual temporada, a Ponte Preta viveu um constante terremoto político. Sérgio Carnielli entrou em ...

5 Comentários

  1. Assistiram outro jogo !!!!

    O goleiro do Paysandu pegou uma ou duas bolas !!!!!

    Longe de fechar o gol !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Lateral direita da Ponte enfraqueceu !

    Zaga também !!!!

    Meio campo também !!!!

    Saíram : Émerson, Luan Peres e Jeferson !

  3. Que jogo esse repórter assistiu??? O goleiro do Paysandu fez no máximo duas boas defesas. A Ponte errou muito e não conseguiu criar quase nada. Caro repórter, torcida tem limite!

  4. Nada pra se apavorar
    Eu e talvez o time da Ponte,ficou surpreso com o Paysandu marcando a saida de bola o jogo todo.
    O lateral direito deve ser o Ygor,o 4o zagueiro deve ser o Nathan e na lateral esquerda o Orinho.
    No meio teremos o Paulinho,Barcelos e quem sabe o Thiago Real,um meio com bom toque de bola e boa marcação.No ataque o André Luis mostrou-se um otimo driblador,alem do Jr Santos e por enquanto o Saraiva,mais será o Cristaldo o titular.
    Só ai teremos no minimo de 7 a 8 modificações.

  5. E mais….
    Já que ainda teremos 5 jogos com portões fechados.
    Mandem os jogos em Mogi Mirim na parte da tarde e pelo amor de Deus,arrumem o gramado do Majestoso que está em péssimo estado.
    Não adianta ter um time técnico e um gramado horroroso…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *