Caso Rodrigo: Ponte Preta mostra otimismo sobre possibilidade de reverter a decisão de juiz trabalhista

0
1.110 views

Assim que tomou conhecimento da decisão da Justiça Trabalhista que favoreceu o ex-zagueiro Rodrigo e força a Ponte Preta a pagar mais de R$ 2,9 milhões de indenização, a diretoria da Macaca, por intermédio da assessoria de imprensa, afirmou que ainda não foi notificada da decisão do juiz Vinicius de Miranda Taveira.

No entanto, o clube tem uma posição otimista e acredita de que poderá reverter o quadro em instâncias superiores. “O Departamento Jurídico da Ponte Preta informa que trata-se de execução de caráter provisório, com recursos pendentes para julgamento, e que ainda cabe recurso à própria execução em si”, afirmou a nota enviada aos veículos de comunicação.

A Ponte Preta é defendida pelo advogado João Felipe Artioli. Rodrigo atuou na Macaca no Campeonato Brasileiro de 2017 e sua expulsão no jogo contra o Vitória acabou sendo determinante para a derrota por 3 a 2 e o consequente rebaixamento para a Série B.

(texto e reportagem: Elias Aredes Junior)