Como os números sustentam a titularidade de Matheus Vargas na Ponte Preta

0
1.692 views

Alguns torcedores torcem o nariz para o futebol de Matheus Vargas. Consideram o atleta lento, sem explosão e velocidade e por vezes desligado. Com o passar do tempo o atleta passou a render melhor. Não é questão de personalizar a discussão, mas a saída de Thalles do time titular já mudou o seu panorama.

Contra o Paraná, Roger com seu trabalho de pivô criou as condições necessárias para o camisa 10 arrematar de média e longa distância.

Números comprovam que Jorginho precisa apostar no jogador. De acordo com estatísticas colhidas pelo Footstats, o camisa 10 é o jogador que mais chuta a gol pela Macaca. Em cinco rodadas, foram 11 arremates, sendo quatro na direção do gol.

O atleta está longe do atacante Guilherme, do Sport )PE) com 22 chutes em quatro partidas, sendo sete na direção do gol.

Ou seja, tirar Matheus Vargas pode até significar tirar lentidão do meio-campo. Mas por outro retira-se um trunfo para furar retrancas. No futebol como na vida, nem tudo é ruim ou 100% belo. É preciso medir as consequências de cada escolha e decisão.

(Elias Aredes Junior)