Guarani e os 70 anos da conquista da Segunda Divisão em 1949: o pontapé inicial para uma época de ouro

0
266 views

O Guarani comemora neste dia 12 de fevereiro os 70 anos da vitória sobre o Batatais por 2 a 1 (gols de Zica e Dorival) na Rua Javari e conquista do acesso á primeira divisão do futebol paulista, competição que disputou de maneira ininterrupta até o ano de 2001, quando caiu após empate por 0 a 0 com a Portuguesa Santista.

Por tudo que envolveu a competição, é um fato que deve ser celebrado. Basta recordar a fórmula de disputa. A segundona de 1949 e decidida no dia 12 de fevereiro de 1950 foi disputada por 47 equipes divididas em quatro grupos. O Guarani ficou na Série Vermelha e terminou a primeira fase na primeira colocação com 40 pontos.

Na fase decisiva, no primeiro turno, venceu o Uchoa por 2 a 0, empatou com Batatais por 1 a 1 e empatou com o Linense em 2 a 2. No turno final, o time bugrino perdeu para o Linense por 3 a 1, venceu o Uchoa por 5 a 4 e derrotou o Batatais por 5 a 0 e somou oito pontos. Como Guarani e Batatais terminaram empatados, a decisão foi na Rua Javari e o Guarani levou a melhor.

Podemos dizer que a partir daquela conquista o Alviverde inaugurou um período de ouro com duração de quase quarenta anos. Além da inauguração do estádio Brinco de Ouro em 1953 e o incremento do patrimônio na gestão de Jaime Silva, não podemos esquecer da conquista do título brasileiro de 1978, da Taça de Prata de 1981, do terceiro lugar no Brasileirão de 1982, o segundo lugar no Brasileirão de 1986 e a medalha de prata no Paulistão de 1988.

Dá para afirmar com certeza: nada disso aconteceria sem o esforço e a dedicação dos heróis que conquistaram o acesso há 70 anos. Foi ali que tudo começou. Que esta memória nunca seja perdida.

(Elias Aredes Junior)

 

LOCAL: Estádio Conde Rodolfo Crespi, na Rua Javari, no Bairro da Mooca, em São Paulo (SP)

DATA: Domingo, no dia 12 de Fevereiro de 1950

RENDA: Cr$ 254.527,00

CARTÃO VERMELHO: Lombardini (Batatais)

ÁRBITRO: Mr. Sunderland (FPF)

GUARANI: Arlindo; Orestes e Grita; Godê, Luís Almeida e Alcides; Dorival, Piolim, China, Chiquinho e Zico.

BATATAIS: Rafael; Sapóleo e Stacis; Goiano, Pixo e Itamar; Dido, Américo, Tonho Rosa, Luís Rosa e Lombardini.

GOLS: Américo aos 19 minutos (Batatais), no 1º Tempo. Zico a um minuto (Guarani); Dorival aos 34 minutos (Guarani), no 2º Tempo.

Fonte: site História do Futebol