Guarani e Dia da Imprensa: um relacionamento que precisa melhorar. Muito.

0
171 views

Comemora-se nesta quarta-feira, dia 01º de Junho, o dia da Imprensa. Mas ao se referir ao Guarani, deve-se perguntar: que dia da Imprensa? O que é realmente celebrado? A reflexão pode parecer um pouco azeda e sem sentido mas tanto o Conselho de Administração como a Superintendência Executiva de Futebol do Guarani tem relacionamento cheio de altos e baixos com a imprensa. Isso se não chegarmos a conclusão de que a relação é ruim.

Primeira pela escassez de esclarecimentos. Entrevistas coletivas não acontecem em profusão e muitas vezes noticias são transmitidas e repassadas muito mais pela falta de esclarecimento e informação do que por algo que seja verdadeiro.

E esse quadro é agravado por um aspecto: a proibição dos jornalistas acompanharem os treinos. Esqueçam neste aspecto a Europa, ou clubes milionários. O Brasil é diferente. Até porque o repórter, quando bem intencionado e altamente profissional, esclarece pontos essenciais no dia a dia do clube.

Sendo didático: digamos que o Guarani tenha um atleta em má fase técnica. E que muitas vezes falha no cumprimento de tarefas minímas. Ás vezes o treinador ensaia uma jogada, pensa em uma estratégia e nada disso acontece no jogo. Em quem colocamos a culpa? No treinador. E em muitas ocasiões é o jogador que pisa na bola. Como fazer tal distinção se os repórteres não assistem aos treinamentos? Pois é.

Resumo da opera: o relacionamento do Guarani com a imprensa precisa melhorar. Muito.

(Elias Aredes)