A Bola e suas histórias: na Ponte Preta, dirigente tem sapato especial

0
614 views

Treinamento da Ponte Preta em 2015. Campeonato Brasileiro e o rendimento da Macaca era bom. Até sonhava-se com vaga na Copa Libertadores.

Nem precisa dizer: os dirigentes ficavam solícitos e a resenha comia solta com os repórteres que acompanham o cotidiano.

Gustavo Bueno era o gerente de futebol. Apareceu e juntou-se a roda. Eis que o assunto envereda-se para frases folclóricas do futebol.

Neném Prancha, João Saldanha, Dadá Maravilha…Não faltavam autores para serem citados e relembrados.

Eis que um interlocutor lembra-se de Diede Lameiro, treinador que atuou no futebol campineiro na década de 1970 e que tinha uma expressão na ponta da língua:

– Dirigentes: todos calçam 40. Ou seja, são todos iguais.

Imediatamente, Gustavo fica Bueno, envergonhado, tímido, sem reação.

Após insistência, vem a resposta carregada de sinceridade:

– É, eu calço 40…

Fim da Resenha.

(Elias Aredes Junior)

Deixe Um Comentário