Equívocos na escolha dos goleiros e acertos na lateral direita: as contradições do Guarani na Série B

0
221 views

Verifique como Guarani apresenta alguns fatos interessantes na atual temporada. O executivo de futebol Michel Alves tem erros incompreensíveis de planejamento e por outro lado mostra acertos espantosos.

No gol é uma tragédia. Gabriel Mesquita e Rafael Martins vão terminar a Série B sem conseguir adquirir confiança junto ao torcedor. Não há derrota bugrina sem a participação dos arqueiros, geralmente com falhas gritantes.

Em contrapartida, a lateral direita é a “bola de segurança” da diretoria. Contra tudo e todos, Pablo foi contratado para ser lateral. Ok, não foi exuberante, mas longe de decepcionar.

Na sequência, a equipe parecia ter alcançado o paraíso com Diogo Matheus. Eficiente na marcação, incisivo no ataque o ex-jogador da Ferroviária caiu nas graça da torcida e era um dos pilares durante a onda positiva no turno inicial.

Sua lesão permitiu o aparecimento da oportunidade para Matheus Ludke, um dos únicos com regularidade e estabilidade.
Futebol bom e ruim no mesmo espaço. Este é o Guarani de 2021.

(Elias Aredes Junior-Thomaz Marostegan-Guarani F.C)