Guarani 2 x 1 Novorizontino: três pontos conquistados, momentos de brilho e uma briga desnecessária

0
306 views

Com boa dose de dramaticidade e com direito a perda do pênalti por parte do oponente, o Guarani venceu o Novorizontino por 2 a 1 em jogo realizado na noite de domingo e válido pelo Campeonato Paulista. Com 14 pontos no grupo D, o desafio seguinte será o dérbi contra a Ponte Preta, quarta-feira, às 21h.

Dentro de suas condições, o primeiro tempo do Guarani esteve próximo do ideal Primeiro porque exibia mobilidade e versatilidade ofensiva. Andrigo,Bruno Savio e Davó exibiam movimentação que colocavam em xeque a defesa do Tigre. Não parava nisso. No lado esquerdo, Julio César, mais atento, era um coadjuvante interessante para a velocidade de Bidu.

O setor defensivo, por exemplo, não tinha problemas devido ao bom desempenho do zagueiro Airton. Não demorou  e o gol apareceu aos 10min. Após rápida transição, Bruno Sávio levantou e Andrigo meteu de cabeça para as redes.

O volume de jogo continua intenso e o astro era Andrigo, seja nas enfiadas de bola ou nos chutes de longa distância, sendo que uma estourou no travessão.

Tudo isso com um adversário forte, disciplinado e que apostava tudo na bola parada ou na técnica de Murilo Rangel, o que não trouxe frutos efetivos.

Veio o segundo tempo, o time adversário mas aos 06min, o troco bugrino foi fulminante: Bruno Sávio cruzou forte e Julio César tocou de letra e ampliou.

O poder ofensivo continuou e aos 26min, a conclusão de Andrigo bateu na trave e no rebote Bidu chutou forte para ver a bola explodir de novo no travessão.

E o rendimento de alto nível quase por água abaixo. Aos 43min, Danielzinho cobrou falta com maestria e diminuiu. E aos 48min, após cruzamento, Pablo tocou a mão na bola dentro da área. Na cobrança, Jenisson chutou para fora. Após o apito final, Bidu e Rodrigo Andrade chegaram as vias de fato e foram expulsos. Dois desfalques para o dérbi. (Elias Aredes Junior com foto de Thomaz Marostegan-Guaranipress)