Guarani entre a cruz e a espada para liberar o Brinco de Ouro

1
743 views

A Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou nesta terça-feira (26) a relação dos estádios interditados de todas as divisões do Campeonato Paulista. O Estádio Brinco de Ouro, palco da partida entre Guarani e Taubaté na próxima terça-feira, 02, segue interditado.

Em contato com a equipe do Só Dérbi, a FPF informou que o estádio do Guarani foi aceito apenas em dois dos cinco laudos exigidos. Aprovado nos laudos de engenharia e condições de higiene, o Brinco ainda não renovou as documentações de segurança, AVCB e prevenção de incêndio. Segundo a assessoria da Federação, a lista é atualizada simultaneamente conforme novos laudos são providenciados.

De acordo com o gerente de futebol, Waldir Lins, em entrevista à Rádio Central, o Guarani já providenciou as documentações para que o estádio seja liberado nesta semana. O prazo para o Guarani solicitar uma mudança de mando terminou às 20 horas desta terça-feira.

Após nova consulta à FPF a informação é que o estádio também está interditado devido a punição do STJD (Superior Tribunal de Justiça Desportiva) em outubro de 2015 decorrente da confusão na partida entre Guarani e Portuguesa pela Série C do Campeonato Brasileiro e realizado no dia 14 de setembro. O jogo rendeu ao Bugre a interdição do estádio por tempo indeterminado.

Segundo o Procurador-geral do STJD, Paulo Schmidt – em contato com a produção da Rádio Central, a punição imposta durante a Série C é válida para os jogos organizados pela Federação Paulista, mantendo-se, assim, o Brinco de Ouro indisponível para a partida entre Guarani e Taubaté na segunda rodada da Série A2 do Paulistão.

Para conhecer detalhes da resolução que interditou o Estádio Brinco de Ouro clique aqui.  (Texto e reportagem: Júlio Nascimento).

1 Comentário

  1. É o Guarani está fechando as portas a cada dia.E o Dérbi acabou de vez.Não temos rival a altura na Cidade.