Ponte Preta 1 x 0 Brasil de Pelotas: uma equipe que fez três gols para valer um.

0
449 views

Depois de ver dois gols anulados pelo VAR, a Ponte Preta venceu o Brasil de Pelotas por 1 a 0, em jogo realizado na noite deste domingo, no estádio Moisés Lucarelli e válido pela Série B do Campeonato Brasileiro. O resultado deixou a Alvinegra com 32 pontos e agora seis pontos distantes da zona do rebaixamento. Agora, a reação tentará ser consolidada na quarta-feira, contra o CSA, na casa do adversário.

Antes de a bola rolar, um imprevisto:  Rodrigão sentiu sintomas gripais e foi afastado. Isso não foi suficiente para evitar o ímpeto do time pontepretano. Com Marcos Junior e Lucas Cândido, a equipe ganhou leveza, técnica e capacidade para entrar nas imediações da área. Não era um time dependente de Moisés.

E teve de tudo. Primeiramente, o gol anulado feito por João Veras em virtude do impedimento marcado contra João Veras. Posteriormente, Lucas Cândido soltou o pé em cobrança de falta e viu a bola bater no travessão e João Veras desperdiçar o rebote. Richard mostrava sinais de bom rendimento, especialmente pelas arrancadas no lado direito.

Mas quase que a Macaca foi surpreendida em chute de Vidal que Ivan espalmou para frente e Erison não aproveitou.

A ansiedade parecia querer prevalecer na etapa final. Erros de passe proporcionavam contra-ataques ao time gaúcho e Ivan ficou ameaçado de tomar o gol.

Já a Macaca buscava exibir repertório. Tanto que aos 11min, após cobrança de escanteio de Rafael Santos, Cleylton sobe mais alto que todo mundo e Marcelo salvou o time Xavante. Mas aos 14min, nova decepção:  após troca de passes e diversas tentativas, Fessin encheu o pé para fazer mas o gol foi anulado pelo árbitro de vídeo.

Aos 44min, a redenção:  após cruzamento de Rafael Santos, João Veras tocou de cabeça e deu números finais a partida.

(Elias Aredes Junior-com foto de Álvaro Junior-Pontepress)